Soma e segue

Olá Inspiração!

Este mês de março está a ser mesmo poderoso! Mês três… número adorável para mim, e para muitos… Para mim, tem representação na cor amarela, para ti poderá ser sentido de outra cor… Tem cheiro a Primavera, representa o nascimento e os recomeços… Representa, o que quisermos que represente! A verdade é essa!! Todos os dias e todos os meses são aquilo que quisermos que sejam! Com mais ou menos desafios e superações, o hoje é a continuação de ontem e o caminho de amanhã.

Somos feitos de uma imensidão de pensamentos e emoções. Há uns dias, pudeste ler e ouvir mais um pouco sobre o medo ou sobre o teu poder interior. O medo pode trazer três tipos de resposta, lembras-te? (Se não tiveste ainda o privilégio de escutar o vídeo, vai assistir, vais gostar muito). O teu poder interior vai ajudar-te a lidar com o medo.

Sempre em consciência sobre o que és e o que tens em ti, hoje sugiro que apontes um novo rumo. Que procures um novo degrau a subir. Que estabeleças um outro objetivo, pode ser novo ou sinérgico com o anterior. Que procures observar em ti e ao teu redor, onde te encontras a nível do teu desenvolvimento pessoal, o que já alcançaste, que ferramentas físicas e psicológicas deténs para continuar, que novas ferramentas e estratégias precisas para avançar, quais as crenças limitadoras que encontras e que te fazem sentir um friozinho na barriga, que outra forma de encarar essas mesmas crenças consegues arranjar. Aponta esse novo rumo. Não tens de alterar nenhum dos teus objetivos já traçados, mas supera-te. Aponta e define o caminho deste novo. E se der medo, vai com medo mesmo. Enquanto não chegares, não pares. Podes abrandar, descansar, mas vai, segue.

Não te prendas a um único objetivo em Vida. Define o teu caminho, colocando as pedras a pisar no solo, recorda que podes ter asas também, e segue. Torna-te mais leve, mais dinâmico(a), mais audaz. Para cada pensamento que surja como bloqueio, observa. Altera a comunicação verbal que tens para contigo e reformula o teu pensamento. Pode parecer estranho estares a afirmar algo que ainda não sentes (por exemplo: “sei que vai muito difícil” → altera para “vou superar os desafios que encontrar até lá chegar”… e por ai adiante). Repete baixinho dentro de ti “eu sou capaz”, “eu sou auto-suficiente”, “eu confio”, fecha os olhos, toca no peito, na zona do coração, e respira fundo, confia… a tua voz interior vai entrar em sincronia contigo e acalmará os pensamentos que surgem e parecem assustadores.

Enquanto não chegares, não pares. Coloca os teus sapatos mais confortáveis e segue. Salta, molha-te, arrisca, avança, abranda, acelera, toma balanço, sobe, desce. Recorda que em algum momento pode até doer, assustar… então, respira e segue. Quando lá chegares, serás ainda mais rico(a), na experiência, na conquista, na superação, no caminho que desfrutaste!!

Canta e grita, sorri e desfruta do caminho. Acima de tudo, diverte-te.

Um sorriso,

à melhor versão de Ti!

Marisa Romero

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top