empatia

Em.pa.ti.a

Olá Inspiração!

Recorda um momento em que te sentiste verdadeiramente compreendido. Pensa numa pessoa que te faz sentir aceite, reconhecido, valorizado e útil. Que momentos e que pessoas são essas? Certamente, são momentos em que te sentiste invadido por emoções positivas. Pessoas que fazem parte do teu dia-a-dia e que te transmitem a verdadeira sensação de confiança tão necessária nas relações interpessoais.

Pois bem, hoje queremos falar-te sobre esse recurso que frequentemente e, sem nos apercebemos, utilizamos diariamente nas relações que estabelecemos com os outros: a Empatia.

Ser empático é, sobretudo, ter a capacidade de entender como o outro se sente.

É ser poético, tendo a habilidade para representar intelectualmente e na emoção, o mesmo teatro, com a capacidade de se imaginar a representar nos mesmos cenários, vestir as mesmas roupas, calçar os mesmos sapatos e cheirar os mesmos perfumes. É colocar-se debaixo da mesma nuvem, sentir com o outro as suas emoções e remar juntos, sempre com o horizonte na mira e o sol brilhante a raiar sobre si. É imaginar-se a optar pelos mesmos caminhos e visualizar a mesma paisagem.

A Empatia é uma extraordinária qualidade pessoal que implica o estabelecimento de relação com o outro. É ofuscar o passado, estar plenamente no momento presente e permitir que o outro vislumbre o futuro risonho.

Desengane-se se acha que ser empático é concordar sempre com o que os outros dizem. Ter a capacidade de empatia é aceitar o ponto de vista dos outros, ao mesmo tempo que se consegue fazer o outro experimentar também os nossos sapatos e fazer com que estes lhe sirvam. É potenciar o reflexo do nosso caminho nas suas próprias escolhas. É fazê-lo colher as mesmas flores, mesmo que estas tenham cores diferentes. Mas, no fundo, na empatia, as cores não são importantes. O que verdadeiramente importa é permitir que o outro tenha a confiança para ser como verdadeiramente é. E, se isso acontecer, então, foste capaz de colher as suas flores.

E tu, quantas vezes já colheste as mesmas flores que os outros?

Um sorriso,

à melhor versão de Ti!

Scroll to Top