ser

Bem me quero…

Olá Inspiração!

Bem me quero porque gosto de mim! Gosto do que vejo ao espelho quando me olho nos olhos. Gosto do que observo quando olho para dentro, quando vejo o que me vai na alma e quando ouço o que o meu coração me diz.

Bem me quero porque quero! Gostar de mim é uma escolha. E eu escolho gostar de mim. Conheço o meu propósito de vida. Reconheço os meus valores e as minhas convicções. Aceito as minhas escolhas. Valorizo as minhas capacidades. Revejo-me nos meus comportamentos dentro de cada contexto.

Bem me quero e isso dá-me confiança! Aquela que eu preciso para conquistar os meus objetivos. A confiança veste-me de outras sensações, e que bom que é estar disponível para as receber. Observar o que me acrescentam e o que me fazem sentir.

Bem me quero e aceito-me! Valorizo cada conquista. Vibro cada progresso. Reconheço todos os passos em prol dos meus objetivos. E continuo na escolha dos caminhos mais promissores.

Bem me quero e repito-o diariamente.

Repete também para ti mesmo. Interioriza esse sentimento. Sente a confiança que isso te traz e vive! Sim, VIVE… para ti!

Um sorriso,

à melhor versão de Ti!

Artigo: Bem me quero…

O Teu caminho

Olá Inspiração!

Ser, só SER. A quarentena trouxe consigo esta necessidade de Ser.

Como é que se faz para se Ser?

Como é que nos podemos FOCAR no que está dentro de nós, ao invés do que está fora?

Os olhos são o espelho da alma, diz-se. Tens-te olhado no espelho ultimamente?

Se sim, o que tens observado?

O teu olhar sorri-te? Questiona-te? Lamenta-se? O que te diz?

De certo, já reparaste que alguns olhares transmitem uma profunda tristeza, como que um lamento. Outros, mostram o cansaço interno, uma exaustão. E alguns, ainda que por instantes, sorriem. O olhar que sorri emana outra energia, vibra pela alegria, pelo riso, optimismo, pela Vida!

Para Seres, tens de te aceitar. Tens de viver a vida do teu jeito, com as tuas convicções, com as tuas crenças, tens de ativar a tua capacidade de adaptação, flexibilidade mental e comportamental, tens de despertar para a aprendizagem.

Sim, aprendizagem! Conheces a expressão “aprendemos até morrer”?

Pois então, novas aprendizagens trazem a evolução do teu ser. Trazem-te novos conhecimentos, alargas os teus horizontes, aprendes, observas novas formas de pensar, de equacionar e estar na vida. E quando abres a tua mente, é impossível voltar a fechá-la. Uma mente aberta, é uma mente desperta e, está desperta para tudo, inclusive para a mudança.

Compromete-te contigo, compromete-te com o teu Ser, com a tua evolução.

Permite-te crescer nos teus horizontes, pensamentos, comportamentos. Avalia se as crenças que tens, são de facto tuas ou se são apenas aquelas que te foram transmitidas, quer pelos teus pais, outros familiares ou amigos. Observa se te servem ou se, no teu caminho, encontras-te outras que se encaixam melhor em quem queres ser.

Ninguém caminha com os teus pés, senão tu! Por isso, só tu tens a responsabilidade de SERES, tu és a figura central da tua vida. Assume o risco, dá o salto em busca do autoconhecimento, confia que tens dentro de ti todos os recursos de que necessitas para viver uma vida plena. A energia que gastas a reclamar, é a mesma que gastas a impulsionar a tua vida. És tu que Decides como gastar a tua energia.

Aceita-te sem julgamentos. Tu Mereces viver uma vida leve e realizada. Tu és capaz! Tu tens todas as capacidades dentro de ti!

Permite-te! Faz a Tua Parte!

Um sorriso,

à melhor versão de Ti!

Scroll to Top